Pesquisar este blog

domingo, 2 de novembro de 2014

Me peguei pensando numa musica do engenheiros do Hawaii, mais precisamente numa frase:
“se fosse fácil achar o caminho das pedras, tantas pedras no caminho não seria ruim”...
E não é! Só depende do que você vai fazer com elas, você pode construir um muro ou um caminho a escolha é sua, não devemos permitir que os problemas e adversidades acabem com nossos sonhos, devemos usar nossas experiências de vida boas ou ruins para pavimentar o caminho para o nosso futuro, empilhar derrotas, magoas e rancores só vai aumentar o tapume em nossa vida, derrube passe por cima nada vale a pena senão viver, buscar, construir caminhos, coloque na cabeça a seguinte frase “sempre há um lado bom em tudo” acredite nisso e você passara a tirar proveito de todas as situações da sua vida sejam elas boas ou ruins eu particularmente faço isso a um bom tempo e passei a ver que tenho uma vida muito boa e que você colhe o que planta mas o joio sempre nasce entre o trigo você é quem deve separar, devemos ter cuidado para não colher a cultura errada conhecer o que estamos plantando para não colher o que plantam  em nossas vidas na maioria somos fracos e extremamente influenciáveis pensamos ser diferentes  imitando outros, nos achamos fortes, mas nos deixamos nos levar pelas massas, precisamos arrancar o que prejudica nossa colheita eliminar o que nos rouba a força acreditar que podemos ser melhores, devemos querer ser melhores, já diziam “querer é poder” mas o que queremos, realmente faz diferença para nós e nossos conhecidos, será que estou somando ou diminuindo para a vida de alguém, estou influenciando alguém por que acredito estar certo ou estou descontando minhas frustrações levando alguém a colher o joio...Ah! O dono da verdade! Como saber se esta certo ou errado? Não sei! Apenas acredito que ao fazer alguém sorrir, se emocionar, cativar as pessoas compartilhar experiências boas, não ter interesse em noticias ruins, praticar a empatia, ser verdadeiro e honesto, pode tornar alguém melhor, talvez a regras não estão ai para serem quebradas, talvez também não para serem seguidas, mas para serem consideradas avaliadas e aplicadas de forma que não  se faça mal a ninguém, não concordo com tudo mas também não brigo por tudo, as vezes mais vale o silencio do que uma discussão que não vai dar em nada. DEUS existe e disso não tenho duvida, mas porque não sermos melhores nós para nós mesmos, pois se arrepender no final pode te levar ao paraíso, mas quem você deixar será melhor ou pior dependendo da herança intelectual que você deixar, quem sabe o teu legado não permita que eles cheguem lá (paraiso), a vida acaba para todos, mas continua para muitos... Pense nisso